Juntos, Faith Haugh e seu companheiro Glenn Watson tiveram 20 bebês.

Como doadora de óvulos, Faith é mãe biológica de 17 crianças: dez meninas e 7 meninos. Ela já tinha uma filha de 19 anos, Ashlyn, do casamento anterior.

Glenn, 44, tem um filho pequeno e mais um a caminho através da doação de esperma.

Este casal notável que dedicam suas vidas para ajudar homens e mulheres inférteis a começar uma família, e muitos dos “filhos doados” formam realmente uma grande família!

Porém, o desejo do casal em ter seu próprio filho foi frustrado, pois Faith descobriu recentemente que tem câncer no fígado.

A auxiliar de escritório de 37 anos está passando a congelar seus óvulos para prevenir-se da mesma situação das mulheres que ela ajudou.

“Depois que eu me curar do câncer, a primeira coisa que vou fazer é tentar ficar grávida”, disse ela. “Mas vou congelar um embrião, por via das dúvidas.”


A decisão de Faith em se tornar doadora de óvulos ocorreu 15 anos atrás, quando ela viu uma propaganda em um jornal a respeito de casais inférteis. Ela doa seus óvulos em uma clínica de Fertilização in Vitro em um hospital público, inclusive possibilitando a geração de gêmeas.

As doações precisam de injeções de hormônios e uma estada no hospital, as doações são anônimas e o casal receptor assina um termo de responsabilidade isentando os doadores de qualquer obrigação sobre a criança.

O câncer de fígado foi descoberto por acidente enquanto ela estava sob exames para sua próxima doação: um rim. (Meu Deus essa mulher doa tudo mesmo…)

“Glenn me disse que não importa se nós não tivermos um bebê, mas eu sei que ele quer muito. Ele apenas diz que arrumaremos um cachorro ou viajaremos pelos mares…” disse ela.